sábado, 20 de agosto de 2016

Manhã de Núpcias - Lisa Kleypas - Os Hathaways 4


Quando herdou o título de lorde Ramsay, Leo Hathaway e sua família passavam por um dos momentos mais difíceis de sua vida. Mas agora as coisas vão bem. Três de suas quatro irmãs já estão casadas, uma preocupação que Leo nunca teve consigo mesmo. Solteiro inveterado, ele tem uma certeza na vida: nunca se casará.
Mas então a família recebe uma carta que pode pôr tudo isso em risco: se Leo não arrumar uma esposa e gerar um herdeiro dentro de um ano, ele perderá o título e a propriedade onde todos vivem.
Solteira e sem pretendentes, a governanta Catherine Marks talvez seja a única salvação da família que a acolheu com tanto carinho. O único problema é que Leo não compartilha do mesmo afeto que suas irmãs têm pela moça.
Para ele, Catherine é uma megerazinha cheia de opinião que fala demais. Apesar de irritá-lo e quase o levar à loucura, ela é a primeira e única mulher com quem ele considera se casar.
Catherine, por sua vez, tem uma opinião igualmente negativa a respeito do patrão. Além disso, ela esconde alguns segredos do passado e um deles pode destruir a vida que tão cuidadosamente construiu para si.
Agora Leo e Catherine precisam um do outro, mas para vencer as dificuldades e consertar as coisas eles terão que superar as turras e as diferenças, num romance intenso e sensual que só Lisa Kleypas poderia ter escrito.

RESENHA:
19/08/2016

Esperei muito pra ler esse livro por causa das mudanças bem significativas pelas quais o Leo passou desde o primeiro livro da série.
Confesso que eu o odiava no primeiro livro e já fiz resenha sobre, mas comecei a sentir uma simpatia por ele no segundo livro, onde a Cat já aparece e rende ótimas situações.
No terceiro livro, as farpas trocadas por eles foram mais frequentes e me conquistaram definitivamente, proporcionando momentos de muita diversão em meio a estória da Poppy e do Harry, dando uma quebrada na tensão.
Mas aí acontece que deu uma esfriada. Parece que toda aquela tensão que faziam os dois discutirem o tempo todo ficaram lá atrás.
Logo que o Leo mostra algum interesse por ela e deixa de persegui-la soltando farpas, a estória deu uma estabilizada.
Eu não saberia dizer se foi por ter lido os dois livros um logo após o outro, que acabei comparando as duas estórias, ou se a outra estória foi tão melhor por ter sido pontuada pelas divergências desses dois.
Só sei que chegou uma hora que a srta. Marks me cansou com sua resistência e ao invés de ficar interessante, tornou-se uma "malinha".
Isso não quer dizer que não gostei do livro, foi uma boa estória. Toda a carga do passado dela foi um diferencial aqui já que conhecíamos tudo sobre Leo, então aí nenhuma novidade.
Mas ainda achei que faltou algo, não meu deu aquela ânsia de devorar os capítulos seguintes pois dava pra perceber que esse romance não iria sofrer grandes reviravoltas.
Sem contar que eu virei fã da doninha Dogger, um fofo ♥
Recomendo a leitura, claro, mas acho importante que leiam o anterior para já pegar um dos melhores momentos do casal.

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Tentação ao Pôr do Sol - Lisa Kleypas - Os Hathaways 3


Poppy Hathaway está em Londres para sua terceira temporada de eventos sociais. Como nos dois anos anteriores, ela se hospedou com a família no hotel Rutledge. E, como nos dois anos anteriores, tudo indica que retornará a Hampshire sem ter encontrado um pretendente com quem se casar.
Apesar de ser extremamente bonita e gentil, Poppy tem duas grandes desvantagens em relação às outras moças: sua inteligência deixa muitos homens acuados e o fato de vir de uma família tão pouco convencional faz com que os melhores partidos nem sequer a abordem.
Mas o destino a coloca no caminho de Harry Rutledge, um homem de passado triste, que venceu na vida por conta própria e aprendeu a encarar tudo como um negócio. O dono do hotel não ama ninguém, confia em poucos e manipula todos. Porém, mesmo sendo tudo o que Poppy nunca almejou, ela não pode negar o fascínio que sente por ele.
Quando Harry conhece Poppy, é tomado pelo desejo. Ele imediatamente tem a certeza de que a jovem será sua e, para o bem ou para o mal, não mede esforços para que isso aconteça.
Mas fascínio e desejo não serão suficientes para construir sua história, sobretudo quando uma traição põe em jogo as bases do relacionamento. Agora, é entre quatro paredes que eles tentarão resolver problemas e anular diferenças, num romance sensual em que seu futuro juntos pode mudar a cada toque, cada encontro, cada descoberta.

RESENHA:
10/08/2016

Meus Deus! Que livro é esse?
Fiquei completamente apaixonada por essa estória, superando a primeira na minha opinião.
Peguei pra ler por que já tinha comprado há muito tempo e precisava tirar logo da meta de leitura, mas não dava muito por ele. Agora acho que vai ser difícil outro histórico me arrebatar dessa maneira.
Eu bati meu record e o li em menos de 1 dia por que não conseguia largar o livro por nada!
Ele é divertido e cheio de cenas deliciosas. 

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Sedução da Seda - Loretta Chase - Série As Modistas 1


Talentosa e ambiciosa, a modista Marcelline Noirot é a mais velha das três irmãs proprietárias de um refinado ateliê londrino. E só mesmo seu requinte impecável pode salvar a dama mais malvestida da cidade: lady Clara Fairfax, futura noiva do duque de Clevedon.

Tornar-se a modista de lady Clara significa prestígio instantâneo. Mas, para alcançar esse objetivo, Marcelline primeiro deve convencer o próprio Clevedon, um homem cuja fama de imoralidade é quase tão grande quanto sua fortuna.
O duque se considera um especialista na arte da sedução, mas madame Noirot também tem suas cartas na manga e não hesitará em usá-las. Contudo, o que se inicia como um flerte por interesse pode se tornar uma paixão ardente. E Londres talvez seja pequena demais para conter essas chamas.
Primeiro livro da série As Modistas, Sedução da seda é como um vestido minuciosamente desenhado por Loretta Chase: de cores suaves e românticas em alguns trechos, mas adornado com os detalhes perfeitos para seduzir.

RESENHA:
03/08/2016

Macelline Noirot é a mais velha de três irmãs e ela está disposta a qualquer coisa para que seu ateliê se torne o mais famoso de toda Londres.
Conquistar Lady Clara Fairfax, noiva do Duque de Cleverdon e vesti-la com suas roupas é seu maior sonho, assim é certeza que as outras damas da sociedade irão começar à frequentar sua loja.
Como ela não consegue acesso até Clara, vai até a França para encontrar o Duque e tentar de alguma maneira que ele a apresente à futura noiva.
Entre jogos e apostas ela consegue o seu intuito, mas claro que a relação dos dois não pára por aí.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Sabrina 1080 - Uma Paixão Proibida - Emma Darcy


Paixão incontrolável, perigo... e emoção!

Taylor Maguire sabia que estava cometendo um grande erro ao ajudar Ângela Cordell a fugir de Brisbane. Por quanto tempo uma sofisticada moça da cidade ficaria trabalhando como governanta numa isolada fazenda de gado?

Para sua maios agonia, Taylor sentia uma atração irresistível por aquela mulher! Mas ele sabia que Ângela não ficaria ali por muito tempo. E ele não queria apenas um caso passageiro. Queria um amor para toda a vida!

RESENHA:
27/07/2016

Começou até que bem, com a mocinha fugindo do ex que ficava perseguindo ela.
Ela se candidata à um emprego numa fazenda pra poder se esconder do doidão e o mocinho, que já tinha escolhido outra pessoa para o cargo, acaba sendo "forçado" a dar o emprego pra ela.
Até aí foi bem gostosinho de ler, mas depois a estorinha dá um pulo de 1 mês com ambos já super atraídos um pelo outro e o filhinho carrancudo dele já quase caindo de amores por ela.
Apenas 100 páginas mas fui deixando pra lá por que fiquei sem paciência com os clichês, mas enfim terminei.

Download Aqui


terça-feira, 14 de junho de 2016

O Último dos Canalhas - Loretta Chase - Série Canalhas 2


O devasso Vere Mallory, duque de Ainswood, está pronto para sua próxima conquista e já escolheu o alvo: a jornalista Lydia Grenville. Só que desta vez, além de seduzir uma bela mulher, ele deseja também se vingar dela.
Ao se envolver numa discussão numa taverna, Vere foi nocauteado por Lydia e se tornou alvo de chacota de toda a sociedade. Agora ele quer dar o troco manchando a reputação da moça.
Mas Lydia não está interessada em romance, principalmente com um homem pervertido feito Mallory. Em seus artigos, ela ataca nobres insensatos como ele, a quem considera a principal causa dos problemas sociais.
Nesse duelo de vontades, Vere e Lydia se esforçam para provocar a derrota mais humilhante ao mesmo tempo que lutam contra a atração que o adversário lhe desperta. E, nessa divertida batalha de sedução e malícia, resta saber quem será o primeiro a ceder à tentação.

RESENHA:
14/06/2016

Seria mais fácil desenhar um gráfico para falar desse livro, que começou meio sem ânimo, foi de repente para um nível de aventura delicioso para depois cair numa narrativa cansativa e chata.
No primeiro livro me deliciei com o casal, já nesse o romance caiu em muito na minha opinião. Na verdade o que menos tem aqui é romance.
Não tem grandes acontecimentos, nem aqueles encontros arrebatadores de tirar o fôlego.

Vere não é tão canalha quanto parece ser e Lydia é uma escritora de jornal, que além de escrever estórias que ela mesmo cria, ela vai atrás de notícias que chocam. É uma defensora dos menos favorecidos e dá voz à eles através de suas matérias.
Ela é muito, mas muito à frente de seu tempo. Diverge de toda mocinha que li até hoje.
Algumas características achei exagerada, afinal uma mocinha que bebe e fuma charuto num bar cheio de homens, por volta do ano de 1800, não parece tão mocinha assim.
Nem ela, nem a estória em si lembram dos romances de época que estamos acostumadas à ler: Sem bailes ou festas, aqui é citado o submundo com prostitutas, tráficos de jovens, cafetinas e afins.
Achei que a autora explorou mais o lado dramático do que o próprio romance deles, que acabou ficando em segundo plano.
E fui com muita sede ao pote por ter lido o primeiro que foi um lindo romance mas sem um pano de fundo de peso.
Na minha opinião o que perdeu pontos foi quando chegando na finalização do livro, começou um outro enredo que achei totalmente desnecessário, com muita ênfase em personagens que antes eram secundários e de repente acabaram virando 'estrelas principais' da estória. Tudo para ganhar umas páginas a mais? Não sei, só sei que foi brochante .

Apesar dos pesares, vale a pena ler só pela aventura dos dois que foi o ápice do livro. 
Espero que o próximo seja melhor, mas não sei se terei coragem de gastar meu dinheirinho nele.

SEM LINK PARA DOWNLOAD

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Rainhas do Romance 67 - Desperte Comigo - Linda Howard


O acidente que deixou Blake temporariamente sem sentir as pernas também havia roubado sua vontade de viver. Seria necessário uma mulher cuja alma estivesse tão paralisada quanto a dele para trazê-lo de volta à vida. Dione Kelley era sua última chance... Ela sabia disso, e entendia o desafio que o caso dele apresentava.No entanto, o que ela não imaginava era que, ajudando Blake a superar a desilusão e recuperar as forças, ela pudesse expor as próprias dores e despertar a cura de si mesma…

RESENHA:
02/06/2016

Esse é um romance bem carregado de drama, de força de vontade e superação.

Dione é uma fisioterapeuta de sucesso. Todos os seus pacientes tiveram sucesso em seu tratamento e por isso ela é procurada por Richard, cunhado e vice-presidente da empresa de Blake.
Sua esposa é irmã de Blake e ela passa mais tempo com o irmão do que com o marido e cansado de ser sempre deixado em segundo plano, tenta mais uma vez um tratamento para Blake.
Nenhum dos fisioterapeutas anteriores tiveram sucesso e o caso de Blake interessa muito à Dione.
Já que ela chega se assusta com o estado dele, completamente o oposto do homem forte e viril que ela viu na foto.
No começo ele se recusa ao tratamento, diz que prefere morrer à tentar mais um tratamento sem sucesso e não há nada faça ele mudar de ideia. Mas Dione tem um jeito todo particular de convencê-lo e ele acaba se resignando.
O livro começou muito bem, cheio de amargura por parte de Blake, discussões entre eles e um mistério que envolve a vida de Dione que também é uma mulher sofrida e cheia de traumas.
Mas à partir do momento que eles começam a se envolver achei que a estória perdeu a força. Começou a ficar desinteressante e cansativa, o final parecia que nunca ia chegar e se arrastou daí pra frente.
Algumas frases como "Dione, você deveria se chamar Champanhe pois me deixa embriagado" foi de amargar kkkk
Mas enfim, é uma boa estória e teria ganhado 4 estrelas se não fosse pela finalização.

Download Aqui

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Clássicos Históricos 360 - O Homem Perfeito - Anne Gracie - [Irmãs Merridew 2/4]


Ele queria uma noiva... e encontrou o amor!

Os salões de baile londrinos não são o ambiente adequado para um pária da sociedade como Sebastian Reyne. Mas suas irmãs mais novas precisam urgentemente de alguém que cuide delas, e por isso Sebastian está à procura de uma moça ajuizada e responsável com quem possa se casar. Certamente, não alguém como Hope Merridew, uma jovem linda, mas impetuosa e atrevida! Hope nota o evidente interesse de Sebastian, e se sente atraída por seu charme sedutor. Para ela, Sebastian Reyne parece um príncipe encantado, o homem que tem tudo para realizar seu sonho de dançar a valsa perfeita! Mas quem poderia imaginar que uma simples dança acenderia a chama de uma paixão tão intensa, que os envolveria numa emocionante intriga de sensualidade e desejo?

RESENHA:
30/05/2016

Finalizando as leituras do mês com essa sequência das irmãs Merridew.
Ao contrário do primeiro livro, cheio de paixão e cenas hilárias, esse parte para um lado mais dramático e com menos situações de tirar o fôlego.

Sebastian é um homem muito sofrido desde a infância e agora que têm as irmãzinhas sob seus cuidados novamente, fará de tudo pela felicidade e bem estar delas.
Por esse motivo, procura um esposa que possa ajudá-lo na criação e educação das meninas, e apesar de já ter uma candidata à vista - sóbria e sisuda lady Elinore - seu coração reage prontamente toda vez que encontra Hope.
Hope não se encaixa na descrição de esposa perfeita, mas é ela que mais vai ajudá-lo nos momentos mais difíceis. 
Claro que isso não irá acontecer tão cedo, enquanto isso muitas estórias intensas vão rolar no livro. Situações tristes vividas por Hope, Sebastian e todo o drama envolvendo as irmãs dele, até o dia que elas foram resgatadas por Sebastian.

A estória é muito bonita e envolvente. As cenas hilárias ficam por conta do amigo Giles, que vai fazer de tudo para impedir que ele se case com Lady Elinore.

Os personagens são encantadores e as crianças, idem.
Recomendo esse romance que vai acontecendo aos poucos na vida da alegre Hope e do sofrido Sebastian.

Download Aqui